Menu
Materiais elétricos

Você consegue imaginar sua casa sem energia? Dá para pensar no dia a dia sem nenhum tipo de aparelho eletrônico? Nesse calor, você se vê sem ventilador ou ar-condicionado? E no frio, dá para imaginar o banheiro sem chuveiro elétrico? Por essas e outras é que a parte elétrica se faz tão essencial para o bom andamento da casa, afinal, oferece maior conforto, segurança e funcionalidade aos moradores.

Como integra a estrutura do imóvel, é preciso ter uma atenção especial na hora de comprar materiais elétricos, a fim de evitar problemas futuros e adiar ao máximo a necessidade de gastos com manutenção. Quer saber como escolher e adquirir os melhores materiais elétricos para sua casa? Então continue lendo o nosso artigo!

Procure conhecer os materiais
Para conduzir a obra com propriedade de causa, é importante, antes de mais nada, conhecer os materiais que serão utilizados. E nem venha com o papo de que esse conhecimento é exclusividade dos eletricistas, viu? Pense bem: se você sabe exatamente o que comprar, as chances de cometer erros diminuem drasticamente! Assim, anote desde já que cabos e fios são os principais itens que compõem a instalação elétrica do imóvel, sendo responsáveis por levar energia desde o padrão até todos os pontos de utilização — como interruptores e tomadas.

Opte por produtos de qualidade
Agora que está devidamente entendido que a parte elétrica de uma casa é coisa séria, você já pode inferir que não dá para comprar qualquer produto, certo? Prefira materiais de qualidade, de marcas conhecidas e com boa reputação no mercado. Além disso, certifique-se de que o material tem o selo do Inmetro e está de acordo com as normas técnicas da ABNT. Esse cuidado mais que básico vai garantir que fios, cabos, tomadas, lâmpadas e interruptores funcionem adequadamente, tenham sua vida útil prolongada e preservem a segurança da residência.

Conte com ajuda profissional
Para realmente acertar na hora de comprar materiais elétricos, é importante respeitar algumas especificações técnicas. Não adianta, por exemplo, adquirir um ótimo produto se o dimensionamento não for o mais adequado para sua casa. Daí a necessidade de contar com um profissional especializado para fazer um bom projeto, dimensionar os componentes elétricos e instruir quanto à compra de condutores e disjuntores compatíveis. Com isso, a rede elétrica ficará devidamente protegida de curtos-circuitos e sobrecargas. Melhor se prevenir, não acha?

Esqueça os cabos desbitolados
Sabia que os cabos desbitolados representam um risco enorme para sua construção? E ainda vale lembrar que sua venda é ilegal! Além de mais barato, esse tipo de cabo é pirata e costuma ser bem mais fino que os condutores normatizados. Esse material não só não conduz a energia corretamente como pode provocar grandes incêndios!

No mais, nem tente fazer as instalações por conta própria ou reutilizar materiais antigos e improvisados! Isso compromete o funcionamento e segurança da rede elétrica e pode resultar em superaquecimento, incêndios, sobrecargas, picos de energia, aumento do consumo energético e curtos-circuitos!

Fonte: www.blog.casashow.com.br