Menu

Veja algumas vantagens do concreto usinado com o custo, a consistência, a praticidade no manuseio do mesmo. Veja algumas características importantes deste tipo material.

A maneira como uma casa é construída varia bastante de caso para caso e o uso dos materiais também podem ser diversos. Um exemplo simples é o concreto que pode ser preparado na hora e na própria obra pelos profissionais da construção que estiverem trabalhando ou pode-se comprar o concreto pronto, ou concreto usinado, como é normalmente conhecido. Na construção da minha casa o pedreiro solicitou que eu comprasse o concreto usinado para o alicerce e depois será usado também para a laje. Particularmente achei interessante e algumas razões para isso são.

Custo
Embora eu não tenha feito o cálculo exato de consumo de materiais para preparar o concreto na própria obra, me pareceu bastante econômico o uso do concreto usinado. Eu usei 8 metros cúbicos para fazer o alicerce de uma casa de 120 metros. Esta quantidade poderá ser maior ou menor dependendo de alguns fatores como a profundidade das colunas e a quantidade de paredes.

Praticidade
Outra vantagem do concreto usinado que percebi foi a praticidade, uma vez que o concreto vem pronto no caminhão betoneira, bastando apenas bombeá-lo nos locais desejados. Alternativamente ao bombeamento, pode-se distribuí-lo com o carrinho mesmo. Esta alternativa mais é indicada para alicerce, já que para a laje o bombeamento é quase obrigatório.

Rapidez
O concreto usinado proporciona rapidez na construção do alicerce ou da laje, por exemplo, bem como ele seca muito rápido no local. Isto é muito bom quando se tem pressa para terminar a obra. No meu caso, todo o alicerce foi feito em um dia até o horário do almoço e a tarde o concreto já estava muito consistente.

Consistência
Aliás consistência é a palavra chave. Segundo o pedreiro, uma das principais vantagens do concreto usinado é a sua consistência, uma vez que a mistura dele é altamente concentrada. Isto é indicado para alicerces, por exemplo que servirá como sustentação da casa.

Fonte: http://www.casadicas.com.br